Conheça o IEL

O Instituto Euvaldo Lodi – IEL é integrante do Sistema Confederação Nacional da Indústria CNI. No Pará foi criado em 1969 por iniciativa da FIEPA, SENAI/PA e SESI/PA.

Há mais de quatro décadas o Núcleo Regional do Pará promove a aproximação do setor empresarial paraense com os centros de conhecimento, atuando nas áreas de Estágio Supervisionado, Bolsas Educacionais, Capacitação Empresarial e Profissional, Tecnologia e Inovação, Estudos e Pesquisas, Recursos Humanos, dentre outras. Um esforço cuja meta é o crescimento da competitividade das empresas do Estado do Pará.

O Núcleo Regional do Pará, IEL-PA, está fortemente integrado à rede formada pelos demais Institutos Euvaldo Lodi distribuídos pelos estados brasileiros. Esse intercâmbio permitiu a ampliação de projetos e a ligação com número cada vez maior de centros de conhecimento no Brasil, promovendo, assim, a democratização do conhecimento e da inovação tecnológica.

Missão

Promover o aperfeiçoamento da gestão, a capacitação empresarial e a interação entre as empresas e os centros de conhecimento, contribuindo para competitividade da indústria brasileira.

Quem foi Euvaldo Lodi?

Primeiro Presidente da Confederação Nacional da Indústria – CNI, Euvaldo Lodi foi um industrial competente e um político hábil. Nascido em Ouro Preto, em 9 de março de 1896, formou-se na Escola de Minas e Metalurgia em 1920. Fundou uma usina siderúrgica em Caeté e dirigiu várias empresas dos ramos siderúrgico, metalúrgico e têxtil. Ainda jovem, na década de 1920, tornou-se Presidente do Centro Industrial de Juiz de Fora. Na década seguinte, já no Rio de Janeiro, integrou o Conselho Diretor da Federação Industrial do Rio de Janeiro. Nesse período, dedicou-se, ao lado de Horácio Lafer, Roberto Simonsen e Vicente Galiez, à organização de sindicatos patronais em todo o país em nome do Centro Industrial do Brasil – CIB, o embrião da CNI.

Participou dos trabalhos da Assembléia Nacional Constituinte, para a qual foi eleito como um dos 17 representantes dos empregadores a partir de novembro de 1933. Fundador da CNI, Serviço Social da Indústria – SESI e Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial - SENAI, na década de 1940, Lodi elegeu-se deputado federal em 1947. Ocupou a presidência da CNI até 1954, quando retornou ao Congresso Nacional como Deputado por Minas Gerais. Morreu em 1956, em acidente automobilístico.

IEL - Instituto Evaldo Lodi
X