Em parceria com IEL, pesquisadores desenvolvem aplicativo móvel para gestão da água

Publicado em 11/10/2018 12:00h

Iel Novidades

Em parceria com IEL, pesquisadores desenvolvem aplicativo móvel para gestão da água

Um projeto que visa à criação de um aplicativo para ajudar no uso sustentável da água está sendo realizado por alunos do curso de pós-graduação em Engenharia Elétrica da Universidade Federal do Pará (UFPA). O aplicativo vai utilizar recursos de Inteligência Artificial e cálculos matemáticos para prever problemas no sistema de distribuição de água, reduzir margens de erro e conter o desperdício.

O projeto está sendo feito em parceria com o Instituto Euvaldo Lodi (IEL Pará), Federação das Indústrias do Estado do Pará (FIEPA), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa), por meio do programa InovaTec, que tem como objetivo fomentar a participação de estudantes de graduação em projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I) de interesse do setor empresarial, em parceria com instituições de ensino superior e empresas. Nos estados, o IEL é responsável pela coordenação, acompanhamento e execução dos projetos aprovados.

A ideia do aplicativo surgiu a partir de outros dois sistemas já utilizados pela Cosanpa, sendo um voltado para que os clientes possam fazer denúncias e reclamações e outro usado pelos técnicos durante o monitoramento das estruturas de fornecimento de água. Na prática, serão utilizados drones para captação de imagens aéreas em locais de difícil acesso e visibilidade. As informações e imagens dos problemas estruturais na rede de abastecimento serão encaminhadas para um centro de pesquisa na UFPA onde serão realizados estudos das soluções mais viáveis para a melhoria do sistema de tratamento e distribuição de água do Estado.

Com a consolidação do projeto, gestores e engenheiros da Cosanpa poderão utilizar de forma autônoma o aplicativo, atuando de modo mais eficaz na prevenção de acidentes, enfermidades e desperdício de água. Para o pesquisador Renato Francês, coordenador do curso de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica da UFPA e que está à frente do projeto, a manutenção dos recursos hídricos é uma necessidade social que deve estar na pauta de pesquisadores e gestores públicos de todo o mundo.

“Para que o nosso projeto e o aplicativo tenham maior capilaridade não apenas no Pará, mas em todo o Brasil, é importante contar com a parceria e apoio de instituições como o Instituto Euvaldo Lodi, uma entidade influente e com atuação em nível nacional”, avalia o professor.

Segundo ele, investir em tecnologia pode garantir aos países uma gestão mais segura de recursos naturais tão importantes para a sobrevivência. “O aplicativo está sendo desenvolvido para beneficiar as empresas que distribuem água e o usuário final com um serviço melhor que garantirá mais qualidade de vida e saúde para a população”, afirma o professor.

 

IEL - Instituto Evaldo Lodi
X